Fundada em 1733, quando o Ouvidor Rafael Pires Pardinho determinou que a Câmara Municipal de Paranaguá demarcasse 300 braças em quadra local, onde seria a futura povoação de Morretes. Em meados do século XVIII mudou-se para o povoado de Morretes o Capitão Antonio Rodrigues de Carvalho e sua mulher, dona Maria Gomes Setúbal, construindo uma capela sob a invocação de Nossa Senhora do Porto e Menino Deus dos Três Morretes. Em 1841 foi elevada a categoria de Município, sendo desmembrada de Antonina.


Situada aos pés da Serra do Mar, Morretes encanta por sua Natureza preservada, seu clima agradável, a saborosa gastronomia que oferece o famoso Barreado e suas charmosas pousadas.